Espaços urbanos

Espaços urbanos
Nossa Senhora abençoa o Centro Histórico - foto Renato F. Thomsen

sexta-feira, 13 de junho de 2014

Desvendando uma foto nonagenária

Uma das tarefas mais instigantes e saborosas em pesquisa histórica é decifrar fotografias antigas, desvendar os lugares, as pessoas, os ambientes, a conjuntura dos momentos eternizados e – claro – a data em que foram feitas.
Uma fotografia pertencente à coleção da Família Gama Mór, tomada nas instalações do antigo Conselho Municipal, no segundo andar do Paço Municipal, permitiu uma viagem no tempo, e pela identificação de duas das personalidades centrais do registro – Dr. Glycerio Alves e Capitão Francisco Gama – foi possível desvendar um pouco de momento político ocorrido há 90 anos!

Sala do Conselho - Paço Municipal - 1924 - coleção Família Gama Mór

Vamos à foto: o local e o mobiliário não deixam dúvidas. Trata-se de uma reunião do Conselho Municipal. A mesa da presidência está ocupada pelo Dr. Glycerio Alves, eleito para a função em setembro de 1924. Em maio de 1925 ele deixou a presidência, o que então permite a datação da foto neste período. Ao lado de Glycerio Alves, à direita de quem observa a foto, está o Capitão Francisco Fontoura Nogueira da Gama, intendente municipal. Os demais conselheiros não aparecem, pois suas mesas estão fora do ângulo que o fotógrafo registrou. Na parede de fundo, fixados três quadros com os retratos de Júlio de Castilhos, à esquerda, patriarca dos republicanos positivistas gaúchos, Dr. Borges de Medeiros, Presidente do Estado, e Floriano Peixoto, o segundo presidente do Brasil.
A imprensa da época é fonte importante para tentar descobrir o evento e na edição do dia 22/9/1924, p. 1, do jornal O Commercio (1900-1966), consta o que segue:

A's vinte horas do dia 20 de setembro de mil novecentos e vinte e quatro, reunidos no salão nobre da Intendencia Municipal de Cachoeira, os srs. Conselheiros Dr. Glycerio Alves, José Gomes de Oliveira, Hermilo Felippe Pohlmann, Donato Nunes de Menezes, Alvaro Xavier da Cunha, Sebastião Pereira, Felippe Moser, Balduino Weber e Leonel Friedrich, perante numerosa e selecta assistencia de Exmas. Sras. e Cavalheiros, depois de tomarem assento nas cadeiras destinadas aos Conselheiros (...), acclamaram presidente o sr. Conselheiro Dr. Glycerio Alves.  O presidente nomeou então uma commissão para introduzirem na sala do Conselho o sr. Capitão Francisco Gama, intendente eleito. Foi o capitão Francisco Gama recebido por uma prolongada salva de palmas, sendo-lhe jogadas petalas de rosas, por uma commissão de alumnas do Collegio Elementar. (...) A convite do dr. Presidente do Conselho occuparam as cadeiras collocadas no estrado da presidencia o sr. Capitão Francisco Gama , Dr. Annibal Loureiro , Dr. Dionysio Marques, juiz de comarca,  e major José Bentes Monteiro, que representou o 3º Batalhão de Engenharia.

A foto permite outras observações: uma das senhoras postadas na lateral direita da foto parece ser a professora Laura Azambuja Marques, do Colégio Elementar, e esposa do juiz Dionysio Marques. Está acompanhada de algumas alunas. Os trajes das meninas e senhoras parecem apropriados para um mês de setembro. 

O Dr. Annibal Loureiro, sentado na primeira mesa de conselheiros, abaixo um pouco da mesa principal, à direita na foto, está olhando para o conselheiro que faz a leitura, provavelmente Hermilo Pohlmann que, conforme noticia O Commercio, fez discurso de saudação ao ex-intendente.
Destaque para o mobiliário usado pelos conselheiros e que até hoje serve aos nossos vereadores. Verdadeiro patrimônio histórico!

Com o início das obras de recuperação do Paço Municipal, toda e qualquer informação que se levante a respeito do prédio, da sua ocupação e das diversas épocas e situações por que passou podem significar uma leitura importante para o entendimento de sua organização e funcionamento e, consequentemente, das intervenções que sofreu.
Devemos saudar a todos que preservam fotografias, permitindo que as imagens registradas no passado sirvam aos propósitos do presente e do futuro.

Colaboração imprescindível: Maria Lúcia Mór Castagnino (Ucha).

4 comentários:

  1. Parabéns Mírian!
    Bela foto, grande registro histórico.
    Coloquei um link no nosso blog...

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Este patrimônio tem um valor inestimável para todos nós. Contem com este blog sempre.

      Excluir
  2. Na ausência da postagem de hoje, fui procurar pelas anteriores, e o que descubro? Essa rara fotografia de um momento passado e agora resgatado pela prima Mirian Ritzel que nos traz essa relíquia preservada pela outra prima, a Ucha Mor, duas das meninas Super poderosas de Cachoeira do Sul, Obrigado !

    ResponderExcluir
  3. Sempre nos trazendo,recordações memoráveis Mirian. Agradecida e parabéns pela tua devoção a história de Cachoeira.

    ResponderExcluir