Espaços urbanos

Espaços urbanos
Centro Histórico - foto Renato Thomsen

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Setembro do saneamento


            Setembro, além de ser o mês da entrada da primavera, da Semana da Pátria e da Semana Farroupilha, marca na história de Cachoeira o acontecimento de avanços significativos nos serviços de saneamento.

         No dia 1.º de setembro de 1909, houve a inauguração do serviço de remoção de dejetos, na forma do recolhimento sistemático dos cubos com material fecal que os moradores depositavam à espera da passagem da carroça do Asseio Público. Depois de recolhidos, os cubos com seu material fétido eram levados até as instalações do Asseio Público, sendo despejados no rio. Atitude nada ecológica! As mesmas águas que recebiam os dejetos eram utilizadas para lavagem dos cubos e da própria carroça do recolhimento!

             No dia 20 de setembro de 1921, a primeira hidráulica de Cachoeira foi inaugurada, nas proximidades do Hospital de Caridade, com depósito de água de 150 metros cúbicos de capacidade, elevado a 15 metros de altura. As ruas que inicialmente recebiam a água encanada eram a Travessa D. Luiza (atual Rua Tuiuti), Rua 7 de Setembro, Rua Ferminiano (atual Gabriel Leon), Rua 15 de Novembro, Rua 7 de Abril (atual Milan Kras) e Rua Moron. A ampliação do serviço só aconteceu quatro anos depois, com a inauguração da segunda hidráulica.

Tanques de decantação da primeira hidráulica - fototeca Museu Municipal

Reservatório da primeira hidráulica - foto Mirian Ritzel

            No ano de 1923, em setembro, também no dia 20, houve o lançamento dos condutos para esgoto, beneficiando as principais ruas da cidade. A primeira "picaretada" para abertura dos valos foi dada simbolicamente em 12 de agosto pelo intendente Francisco Fontoura Nogueira da Gama, como registra a foto abaixo.

Início das obras de lançamento dos condutos de esgoto
- fototeca do Museu Municipal

Nenhum comentário:

Postar um comentário