Espaços urbanos

Espaços urbanos
Catedral em festa - foto Renato F. Thomsen

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Cobrança de pedágio na Ponte de Pedra

            A primeira prova de uso da Ponte de Pedra constante da documentação político-administrativa de Cachoeira que chegou até nossos dias remonta a 13 de janeiro de 1849. Trata-se de ata da sessão da Câmara Municipal, onde foi registrada reclamação de usuários contra irregularidades na cobrança de pedágio para passagem na ponte.

            Antes disso, a primeira referência documental à ponte é de 1832, quando a Presidência da Província determinou à Câmara que providenciasse planta e orçamento da obra que deveria ser construída sobre o rio Botucaraí. Lá se vão 180 anos!
            Uma das grandes vitórias do ano de 2011 foi a recuperação deste bem de inquestionável valor histórico. Agradecimentos especiais ao Grupo de Recuperação da Ponte de Pedra – e seus incansáveis e corajosos membros – e ao Tenente-Coronel Marcus Vinicius Fontoura de Melo, Comandante do 3.º Batalhão de Engenharia de Combate que hoje entrega o comando ao seu sucessor.


Sucesso, Tenente-Coronel Melo! Cachoeira do Sul agradece sua estada e as excelentes ações que protagonizou na terra que foi palco da vida de seu antepassado, Comendador Antônio Vicente da Fontoura.
Mirian Ritzel

Nenhum comentário:

Postar um comentário