Espaços urbanos

Espaços urbanos
Placa de inauguração da Primeira Hidráulica - 20/9/1921 - Cristianno Caetano

domingo, 20 de dezembro de 2020

"A cidade hoje olha o seu patrimônio e diz: isso aqui é meu!"

 Cachoeira do Sul perdeu no dia 18 de dezembro de 2020 um de seus mais participativos cidadãos. O arquiteto Osni Schroeder, liderança em movimentos de preservação e recuperação de bens do patrimônio histórico-cultural partiu aos 69 anos, enlutando a comunidade cachoeirense.


Osni Schroeder - pontedepedra.blogspot.com

Em sua última aparição pública, ocasião do lançamento do livro-arte Cachoeira do Sul #belaquesóela, em live na TV Cachoeira, Osni falou de sentimento e da resistência de uma parcela da comunidade com relação à preservação de patrimônio. Felizmente, segundo ele, houve uma mudança de paradigma a partir do movimento pela recuperação da Ponte de Pedra e da chegada da Universidade Federal de Santa Maria, com o curso de arquitetura.. Esse sentimento se estendeu a partir da experiência com a Ponte de Pedra, despertando o interesse de recuperação de outros bens que igualmente precisavam de socorro. Aos poucos as pessoas foram estabelecendo uma relação de pertencimento com os bens coletivos e Osni pôde afirmar: 

"A cidade hoje olha o seu patrimônio e diz: isso aqui é meu! O amor por Cachoeira existe, podia estar adormecido, mas existe."


Integrantes do movimento pela recuperação da Ponte de Pedra
e conselheiros do COMPAHC. Osni Schroeder (em pé à direita)
- nov. 2011 - foto Renato Thomsen


Live de lançamento do livro Cachoeira do Sul #belaquesóela
- TV Cachoeira

Osni Schroeder tinha razão ao afirmar esse amor. Cachoeira do Sul hoje entende muito mais a relevância de sua história e das marcas por ela deixada, estancando em ações coletivas os focos de resistência que ainda existem. E essa mudança de olhar só acontece porque homens e mulheres que, como Osni Schroeder - e espelhados em sua conduta, tecem dia a dia os fios que entrelaçam amor, respeito e valorização da memória e do legado que foi trazido até aqui. O desafio segue, pois a geração atual tem o compromisso de transmitir bens intangíveis aos seus pósteros.

Muito obrigada, mestre Osni! Teu valoroso trabalho a serviço do engrandecimento e perpetuação da memória da tua terra seguirá nos inspirando e certamente frutificará.


Card do Movimento pela restauração do Château d'Eau
- arte: Thiago Cazarotto

Vide:

http://amigosdaculturacachoeiradosul.blogspot.com/2020/12/videos-belaquesoela-participacao-osni.html?m=1

https://pontedepedra.blogspot.com/2020/12/homenagem.html

domingo, 6 de dezembro de 2020

Cachoeira do Sul #belaquesóela em breve nas bancas!

Um livro-arte para ressaltar as belezas de Cachoeira do Sul em imagens e palavras.

Não perca tempo e adquira o seu. Para guardar e presentear!